Pontos Cantados, a magia das cantigas.
Na Umbanda e no Candomblé, um dos mais importantes fundamentos é o ponto cantado, cantigas em louvor aos Orixás e as linhas de entidades trabalhadoras. Estes pontos são como mantras que evocam determinadas energias, servem para trazer as entidades como para se despedir delas, além de muitas outras finalidades.

Abaixo segue relação de pontos cantados pelos membros da Curimba Filhos de Umbanda, separados por Orixá, para serem ouvidos.

Para ouvir as musicas no site: baixar plugin quick time
 
Defumação

Nossa Senhora incenso seu bento filho

Olha a mata queimo cheirou guiné


Abertura

7 Linhas neste jacuta tem mironga


Oxalá
 

Xangô
 

Ogum
 

Oxossí
 

Iemanjá
Arerê mamãe

Iansã
Guerreira fiel

Oxum
Rainha Vitória

Omulu e Abaluaê
Omulu caminhando devagar

Nanã
 

Erês

É natal

Pai filhos espirito santo

Eu vi cosme sentado

Eu vi ,eu vi

Rosa branca

Pedrinhas de papai Xangô

Subida,Remeiro de Iemanjá


Caboclos

Festa de caboclos

Oxalá mandou

É Zambi quem governa o mundo

Tambor tambor

Cailza

Xangô caboclo

Bamba aruê

Caboclo girassol

Gira caboclo

Caboclo mata virgem

Subida caboclo de Xangô

Caboclo Ogum rompe mato

Caboclo Ogum sete espadas

Caboclo Ogum Mangará

Caboclo Ogum beira mar

Caboclo ogum de lei

Subida caboclo de Ogum

Rei da macaia

Caboclo Aimoré

Caboclo pena azul

Caboclo Oxossi do lagedo

Subida de caboclos


Caboclas

Caboclas ligação com as mães

Cabocla Juremá

No centro das matas virgens

Subida caboclas


Preto velho e Preta velha

Balança de São Miguel

Povo de Luanda

São Benedito

Negro Cambinda

Linha das almas

Vovô de aruanda

Preta velha Cambinda

Mãe Maria conga

Filha de nagô

Subida de preta velha


Boiadeiro, baiano, baiana

Tempo ê.êê

Chamada do povo nagô

Fê nagô

E boi e boi

Subida dos baianos

Baiana.Comida de santo

Baiana Januaria

Baiana Maria mina

Subida baianas


Marinheiro

Povo de marinheiro

Capitão do mar

Canoeiro

Braços fortes

Martim pescador

Subida de marinheiro

 

 

 

 

 

 

curimbacurimbacurimba

 

Copyright © 2009 - Associação Cultural Afro-Brasileira Filhos de Umbanda. Todos direitos reservados.